A Publicidade Subliminar e o Neuromarketing: explorando a ética do inconsciente .

Autor: Isadora Ribeiro da Silva Maia Teixeira.

Projeto Experimental apresentado por Isadora Ribeiro da Silva Maia Teixeira, matrícula 21030101, como requisito obrigatório para obtenção do título de Bacharel em Comunicação Social – habilitação Publicidade e Propaganda.

Orientador: Prof. Adilson Vaz Cabral Filho.

RESUMO

A presente monografia propõe o levantamento de questões éticas relacionadas ao uso de táticas publicitárias destinadas à manipulação do inconsciente dos consumidores. Busca confrontar a propaganda subliminar com a estratégia contemporânea de pesquisa, o neuromarketing, baseando a análise na legislação brasileira, órgãos regulamentadores e nos conceitos e preceitos éticos e sociais. Visa a explanação da relevância do inconsciente no comportamento do consumidor, demonstrando as preocupações possíveis quanto ao futuro de sua apropriação inadequada diante da nova forma de atividade comercial. O objetivo maior desta atividade passa pela produção maximizada dos bens de consumo e pelo lucro do mercado, que acabam por revelar uma submissão do público às marcas. Culmina num questionamento sobre o papel do profissional na sociedade e sobre a moralidade difundida no processo de formação na universidade.

Palavras-chave: Propaganda subliminar, neuromarketing, ética, inconsciente, regulamentação.

TCC – Isadora Ribeiro


Crime contra o Direito Autoral, previsto nos Artigos 7, 22, 24, 33, 101 a 110, e 184 a 186 (direitos do Autor formulados pela Lei 9.610/1998) e 299 (falsidade ideológica).