A ditadura do corpo perfeito e a influência da mídia: Estudo de caso sobre a revista Marie Claire.

Autor: Natasha Sousa Dias.

Projeto Experimental apresentado por Natasha Sousa Dias 21130095 como requisito parcial obrigatório para obtenção do título de  Bacharel em Comunicação Social –  habilitação Jornalismo.

Orientador: Prof.ª.Dr.ª. Geisa Rodrigues.

RESUMO

Considerando que na contemporaneidade, as mulheres são massificadas com matérias que as fazem crer que é uma obrigação feminina seguir os padrões de beleza ditados pela mídia, este trabalho tem como objetivo estudar as mais diversas formas que a imprensa pode, embasada em seu discurso, influenciar na ditadura do corpo perfeito. O corpus de análise são matérias selecionadas da editoria de beleza da Marie Claire, revista importante no segmento feminino. A intenção é buscar dentro do discurso abordado pela revista aspectos que mostrem como a publicação pode, mesmo que às vezes de maneira silenciosa, ditar um padrão de corpo a ser seguido e as regras para se atingir esse corpo, desrespeitando as características corporais de cada mulher. Para embasar o trabalho será utilizada a Análise do Discurso, que estuda a relação da língua com a exterioridade, tendo em vista que para a existência do discurso é necessário o sujeito e este precisa de uma ideologia.

Palavras-chave: Análise do Discurso. Revista Marie Claire. Ditadura do corpo perfeito.

TCC – Natasha Dias


Crime contra o Direito Autoral, previsto nos Artigos 7, 22, 24, 33, 101 a 110, e 184 a 186 (direitos do Autor formulados pela Lei 9.610/1998) e 299 (falsidade ideológica).