Fim de um símbolo? – Inaugurado em 1953, o mais famoso hospital psiquiátrico de Niterói perde espaço, muda de nome, mas resiste.

Autor: Jéssica Montechiari Pietrani Couto.

Projeto Experimental apresentado por Jéssica Montechiari Pietrani Couto, matrícula 21030119, como requisito obrigatório para a obtenção do título de bacharel em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo.

Orientador: Prof.ª. Denise Tavares.

RESUMO

As mudanças do principal hospital psiquiátrico de Niterói, devido aos impactos da construção do Túnel Charitas-Cafubá, são o principal mote dessa grande reportagem. O que poderia ser uma grande oportunidade para a cidade se ver livre de hospitais psiquiátricos, acaba por manter as coisas como estão. As contradições dessas mudanças e da própria luta antimanicomial, bem como as diversas visões sobre os acontecimentos estão presentes nesse trabalho.

Palavras-chave: hospital psiquiátrico; saúde mental; antimanicomial; Túnel Charitas-Cafubá.

Link para o TCC:

https://drive.google.com/file/d/0B7i3cw5aD-SLS2psQlkyYUFaQ28/view?usp=sharing


Crime contra o Direito Autoral, previsto nos Artigos 7, 22, 24, 33, 101 a 110, e 184 a 186 (direitos do Autor formulados pela Lei 9.610/1998) e 299 (falsidade ideológica).